quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Perdidos na estrada

Eu e um amigo estávamos caminhando em uma estrada, cheia de areia amarela com o céu nublado. A nossa volta não havia vestígios de vida móvel, algumas árvores, troncos apodrecidos, um imenso campo sem cercamento de ambos os lados da estrada.
Depois de muito andarmos nos deparamos com uma vila antiga e sinistra, o ar estava pesado, não parecia ser habitavel, algo parecia nos observar, não tivemos coragem de chegar muito perto das casas, de repente vimos um homem alto, de uns 3 metros de altura, não restou dúvidas de que tínhamos de sair dali o mais rápido possível, ainda mais por termos visto em seu carrinho de mão cabeças humanas cortadas recentemente, a expressão facial das vítimas era assustadora, olhos arregalados como se tivessem visto fantasmas ou talvez a coisa mais horrenda do mundo.

Um comentário:

Trustvainer Magus disse...

Acho que ta bom, quero dizer, tem que melhorar mais um pouquinho.